21 junho, 2009

UM HONROSO VICE-CAMPEONATO

Mesmo com toda garra a apresentada pelos jogadores em Votorantim, o Grêmio Osasco não conseguiu segurar a pressão e foi derrotado pelo Votoraty por 2 a 0 na segunda e decisiva partida da final do Campeonato Paulista da Série A3. A equipe osasquense havia vencido a primeira partida, em Osasco, pelo placar de 1 a 0 e precisava de um empate para terminar a temporada como campeão. O vice-campeonato, porém, coroou de maneira honrosa a inédita conquista do acesso à Série A2, que o time disputará em 2010.



O futebol, às vezes, apresenta fatos estranhos. Embora não tenha chovido durante a madrugada, uma parte do gramado estava totalmente alagada. Tanto que a primeira imagem que tivemos da partida foram alguns funcionários do clube puxando a água do gramado com rodos.



Estranhamente, também, apenas a pequena arquibancada destinada aos torcedores osasquenses (cerca de 300 compareceram ao jogo) se encontrava molhada.



Dentro de campo a partida começou quente, com Geninho acertando o primeiro chute ao gol logo no primeiro minuto. O meia roubou a bola de um adversário, avançou mas chutou mascado, facilitando a defesa do goleiro Juliano.

O Votoraty atacava e o Grêmio Osasco se defendia, tentando encaixar um contra ataque. Num deles, aos 13 minutos, Geninho lançou Mendes em profundidade obrigando o goleiro a sair da área dividindo com o zagueiro osasquense, mandando a bola pela lateral.

A primeira chance clara de gol aconteceu aos 16 minutos. Rafinha iniciou a jogada pelo meio, lançou Neizinho pela direita e recebeu cruzamento perfeito. Livre de marcação, dentro da área, Rafinha cabeceou para fora, à esquerda de Leandro.

A partida seguiu amarrada, mas pegou fogo no final do primeiro tempo. Aos 35 minutos Mineiro arriscou um chute da intermediária e Juliano se esticou todo para desviar a bola a escanteio. O Votoraty respondeu aos 39 minutos. Paulo Krauss entrou na área, driblou dois zagueiros e rolou para trás para Neizinho que chutou forte. A bola passou por Leandro mas encontrou Flávio em cima da linha para salvar gol certo.

Na seqüência, escanteio para o GEO. Na cobrança, a zaga iniciou contra ataque. O mesmo Paulo Krauss foi à linha de fundo pela direita e cruzou na grande área. Após dividida a bola sobrou para Rafinha que matou no peito e fuzilou, sem chance de defesa para Leandro.

O Grêmio Osasco ainda buscou o empate antes do final da primeira etapa. Aos 43 minutos Carlão lançou Dedé pela direita, que foi parado com falta. Na cobrança, Juliano saiu estabanado mas conseguiu socar a bola para escanteio. E aos 46 minutos Geninho lançou João Paulo que entrou na área a bateu forte. A bola tocou na trave pelo lado de fora.

Na segunda etapa, logo aos 30 segundos de jogo, o Grêmio Osasco levou perigo com João Paulo pela direita. O atacante cruzou a bola na área e Dedé foi travado pelo zagueiro quando se preparava para marcar. Aos 7 minutos João Paulo foi derrubado na entrada da área. Na cobrança, Geninho rolou para Souza que carimbou a barreira.

O time osasquense pressionava, mas insistia nas bolas altas, o que facilitava a ação dos defensores. Como o time não conseguia penetrar na defesa adversária, André Oliveira mexeu no time e partiu para o tudo ou nada. Sacou os marcadores Jorda e Mineiro e Andrey e mandou a campo os atacantes Rogerinho e Tuti e Edinho.

Aos 25 minutos Leandro evitou o segundo gol. Helder roubou uma bola com a mão no meio de campo e partiu para o ataque. Foi à linha de fundo e cruzou para Rafinha. Marcado, o atacante encontrou Rodolfo livre pela esquerda, mas Leandro saiu para o abafa e conseguiu desviar para escanteio. Os jogadores osasquenses partiram para cima do árbitro e na confusão Geninho foi advertido com cartão amarelo por reclamação. Na jogada seguinte, Geninho entrou de carrinho em João Paulo e o árbitro o mandou para o chuveiro.

Com um jogador a menos, sem três defensores, ficou difícil para o Grêmio Osasco. A partir daí o Votoraty tomou as rédeas da partida e chegou diversas vezes com perigo. Aos 33 minutos Rafinha lançou Rodolfo pela direita. O ala chutou cruzado e a bola se chocou com a trave direita de Leandro. No minuto seguinte, em novo contra ataque, Leandro saiu nos pés de Paulo Krauss evitando o gol.

Aos 35 minutos, Dedé desperdiçou a derradeira chance osasquense. Edinho lançou Rogerinho pela direita. Ele driblou seu marcador e tocou para Dedé bater cruzado. A bola passou rente à trave direita de Juliano.

E finalmente aos 41 minutos, João Paulo fez grande jogada pela direita e deixou Rafinha livre. Desta vez o atacante bateu certeiro e fechou o placar.

Parabéns ao Votoraty, pela conquista do título de campeão da Série A3 de 2009. E parabéns também aos nossos bravos guerreiros osasquenses, que venceram todas as dificuldades vividas na competição e terminaram com um honroso vice-campeonato, conquistando o histórico acesso à Série A2, lugar onde nenhum outro time da cidade jamais chegou.

Ficha Técnica

Votoraty: Juliano, Rodolfo, Ednei, Beto e Marquinhos (Helder). Anderson, João Paulo e Neizinho. Paulo Kraus, Rafinha e Martinho. Técnico: Fernando Diniz.

Grêmio Osasco: Leandro, Andrey (Edinho), Carlão, Flávio, Mendes e Souza. Jorda (Rogerinho), Mineiro (Tuti) e Geninho. Dedé e João Paulo. Técnico: André Oliveira.

Local e horário: Estádio Domenico Paolo Mettidieri, Votorantim, 21/06/2009, 10 horas.

Arbitro: Wilson Luiz Seneme. Assistentes: Marcos Joel Alves e Alex Alexandrino. Quarto árbitro: Welton Orlando Wohnrath.

Gols: Rafinha (40’ – 1t e 41’ – 2T).

Cartões Amarelos: Anderson, Martinho, Helder e Neizinho (Votoraty); Jorda, Carlão e Geninho (GEO. Cartão Vermelho: Geninho

Um comentário:

Marciel disse...

Belo Trabalho GEO. Lutou até o fim :D